03 julho, 2015

Papa Francisco vai mascar ou beber chá de coca durante a sua viagem à Bolívia?


Folha Coca / Foto: Marcello Casa - Wikipédia
(ACI) O porta-voz do Vaticano assinalou que o Papa Francisco poderia mascar folhas de coca ou beber mate de coca durante sua visita à Bolívia na próxima semana como parte da sua viagem à América Latina.

Assim assinalou o Pe. Federico Lombardi em resposta à consulta de uma jornalista boliviana, logo que o ministro da cultura deste país, Marko Machicao, declarou aos meios locais que o Papa Francisco havia pedido para mascar folhas coca.


As folhas de coca têm um efeito estimulante parecido ao café. Podem ser mascadas ou bebidas como chá para suportar a fome, o cansaço e os males da altura.

Por estas razões o Santo Padre poderia consumir esta planta quando chegar à Bolívia. Além disso, não seria o primeiro Pontífice a fazê-lo.

Durante sua visita à Bolívia em 1988, São João Paulo II bebeu mate de coca; em 1968, Paulo VI também o tomou, quando visitou a região. Como também outros personagens, como a Rainha Sofia da Espanha e a Princesa Anne da Inglaterra, consumiram esta planta de forma natural.

O porta-voz do Vaticano manifestou ao jornal boliviano ‘El Deber’ que “não pode confirmar exatamente o que o Santo Padre fará, mas sei que gosta de participar dos costumes locais a cada visita”.

“Não me surpreenderia, pois o Papa Francisco gosta de experimentar os costumes populares. Ele fará o que lhe agrade. Sei que existe uma tradição local de tomá-lo para combater os males da altura. Tomam um chá feito com as folhas da coca e outros as mascam”.

“O Papa Francisco não me disse o que pretende fazer, logo saberemos”, indicou o Pe. Lombardi.

As folhas de coca são usadas no dia a dia e são de grande importância cultural nos Andes, também é o ingrediente principal da droga conhecida como cocaína, por isso seu uso gera certa controvérsia.

Os indígenas bolivianos acreditam que a folha de coca é sagrada e é comum o seu consumo, assim como o uso do chá em todo o país.

O presidente da Bolívia, Evo Morales, também cultivava estas folhas e defendeu o consumo natural desta planta, porque a considera pedra angular da cultura e economia do país.

Morales reativou a economia natural da coca e propiciou a criação de produtos como a pasta dental, o shampoo e as loções. “Esta folha representa a esperança de nosso povo”, manifestou no ano 2007 durante a Assembleia Geral da ONU.

Diversos estudos internacionais, incluindo o que foi publicado pela universidade de Harvard, encontraram proteínas, cálcio, ferro e outras vitaminas nas folhas de coca. Em 1995 a Organização Mundial da Saúde indicou que o uso das folhas de coca não é daninho.

Fonte: ACI Digital
Compartilhe :

0 comentários:

Postar um comentário