08 janeiro, 2019

Ladainha da humildade: conheça e aprenda a rezar esta bela oração



"Enquanto vivemos nesta terra não há coisa que mais importa para nós do que a humildade", escreveu Santa Teresa D’Ávila no capítulo 2, número 9 do livro Moradas. E o Cardeal Merry del Val parecia saber disso e por este motivo trazemos ao blog a Ladainha da humildade, uma bela oração.




Merry del Val (1865-1930), Secretário de Estado do Vaticano, durante o pontificado de São Pio X, costumava recitar esta oração depois de celebrar a Santa Missa. Algumas textos afirmam que o próprio cardeal teria composto essa oração.

Ladainha da humildade


Ó Jesus, manso e humilde de coração, ouvi-me.
Do desejo de ser estimado, livrai-me, ó Jesus.
Do desejo de ser amado, livrai-me, ó Jesus.
Do desejo de ser conhecido, livrai-me, ó Jesus.
Do desejo de ser honrado, livrai-me, ó Jesus.
Do desejo de ser louvado, livrai-me, ó Jesus.
Do desejo de ser preferido, livrai-me, ó Jesus.
Do desejo de ser consultado, livrai-me, ó Jesus.
Do desejo de ser aprovado, livrai-me, ó Jesus.
Do receio de ser humilhado, livrai-me, ó Jesus.
Do receio de ser desprezado, livrai-me, ó Jesus.
Do receio de sofrer repulsas, livrai-me, ó Jesus.
Do receio de ser caluniado, livrai-me, ó Jesus.
Do receio de ser esquecido, livrai-me, ó Jesus.
Do receio de ser ridicularizado, livrai-me, ó Jesus.
Do receio de ser difamado, livrai-me, ó Jesus.
Do receio de ser objeto de suspeita, livrai-me, ó Jesus.
Que os outros sejam mais amados do que eu, Jesus, dai-me a graça de desejá-lo.
Que os outros sejam mais estimados do que eu, Jesus, dai-me a graça de desejá-lo.
Que os outros possam elevar-se na opinião do mundo, e que eu possa ser diminuído, Jesus, dai-me a graça de desejá-lo.
Que os outros possam ser escolhidos e eu posto de lado, Jesus, dai-me a graça de desejá-lo.
Que os outros possam ser louvados e eu desprezado, Jesus, dai-me a graça de desejá-lo.
Que os outros possam ser preferidos a mim em todas as coisas, Jesus, dai-me a graça de desejá-lo.
Que os outros possam ser mais santos do que eu, embora me torne o mais santo que quanto me for possível, Jesus, Jesus, dai-me a graça de desejá-lo.

Recomendado para você
Compartilhe :

0 comentários:

Postar um comentário