29 novembro, 2016

Manifestações de solidariedade à Chapecoense após queda do avião que levava o time para Colômbia



"Iluminados pela fé na vida que vence a morte, a Diocese de Chapecó, profundamente consternada com o grave acidente ocorrido com a delegação da Chapecoense, quer expressar o sentimento de solidariedade com todos os atingidos, familiares e amigos", esta foi a mensagem publicada pela Diocese de Chapecó (SC) nesta terça-feira, após o acidente envolvendo o avião que transportava a delegação da Chapecoense, time que disputaria a primeira partida da final da Copa Sul-Americana.


A mensagem publicada pela Diocese foi seguida da hastag #ForçaChape, que passou a ser utilizada pelos internautas para manifestar solidariedade ao time catarinense neste momento.


O bispo diocesano de Chapecó, Dom Odelir José Magri, gravou um vídeo onde declarou que todos estão sofrendo durante este momento. "Queremos viver isso não com desespero, mas na dimensão da fé, da esperança", disse. Dom Odelir também informou que nesta terça-feira (29/11), às 18h30, está prevista a Missa na Catedral local pela memória dos que morreram no acidente.

Durante a madrugada desta terça-feira (29/11), o avião que transportava a delegação da Chapecoense sofreu queda em uma região montanhosa próxima a Medellín, Colômbia. O time seguia para disputar a primeira a final da Copa Sul-Americana.



A aeronave transportava 81 pessoas, entre jogadores, dirigentes, convidados do clube, jornalistas e tripulantes, sendo nove tripulantes. Segundo a polícia colombiana, foram confirmadas 71 mortes.

Sobre as possíveis causas do acidente, já existem várias especulações. Porém, a Chapecoense emitiu uma nota dizendo que, "através do seu presidente Ivan Tozzo, reserva-se o direito de aguardar o pronunciamento oficial da autoridade aérea colombiana, a fim de emitir qualquer nota sobre o acidente".

"Que Deus esteja com nossos atletas, dirigentes, jornalistas e demais convidados que estão juntos com a delegação", disse.

O Arcebispo de Florianópolis, Dom Wilson Tadeu Jönck, também se manifestou por meio de nota deixando suas condolências e solidariedade à Associação Chapecoense de Futebol e a toda a cidade.

"Deixamos nossas condolências à Associação Chapecoense de Futebol, aos familiares das vítimas e toda Chapecó. Nos solidarizamos com toda a cidade", escreveu o arcebispo.

Muitas manifestações de apoio e solidariedade time da Chapecoense e aos familiares estão se espalhando nas redes sociais. A TV Aparecida, por meio de uma imagem, pediu que "Nossa Senhora conforte o coração de todos os familiares das vítimas".
Vários times de futebol e jogadores do mundo inteiro também se manifestaram. Em sua conta no Instagram, o jogador Neymar, do Barcelona, declarou: "Hoje o mundo chora, mas o céu se alegra em receber Campeões".


O presidente do Brasil, Michel Temer, decretou "luto oficial de três dias pela tragédia na Colômbia".


Recomendado para você


Compartilhe :

0 comentários:

Postar um comentário