16 junho, 2015

Bento XVI receberá doutorado Honoris Causa de duas universidades da Polônia


Papa Emérito em seu 88º aniversário - L'Osservatore Romano
(Zenit) Vai ser um verão agitado para Bento XVI: dois compromissos públicos vão interromper o “silêncio” em que há dois anos vive o Papa Emérito após a renúncia da Cátedra de Pedro.

Sexta-feira, 3 julho, em Castel Gandolfo, Ratzinger vai receber um doutorado Honoris Causa da Pontifícia Universidade João Paulo II e da Academia de Música de Cracóvia. A notícia foi confirmada pelo arcebispo da cidade, cardeal Stanislaw Dziwisz, e divulgada pelo site site especializado em informações vaticana, Il Sismografo.

O Papa Emérito – como divulgado – enviou uma carta ao Reitor da Universidade na qual diz aceitar a honra e de sentir-se honrado, especialmente tratando-se de um ateneu e de uma cidade tão intimamente ligadas ao seu caro amigo Wojtyla.


Por sua parte, o Senado da Academia de Música de Cracóvia – de acordo com o prof. Zdzislaw Łapiński – na resolução do 22 de Abril enviada a Bento XVI explica a sua decisão indicando o Papa como um modelo de comportamento moral e civil acompanhado pelas dimensões religiosas e humanísticas profundas. Especialmente destaca-se o amor e a atenção de Joseph Ratzinger à música sacra e seu papel na liturgia.

O sismógrafo também informa que o Papa Bento provavelmente irá retornar às Vilas Pontifícia para um período de férias, a convite de Francisco. A notícia foi confirmada hoje pelo Padre Federico Lombardi, que informou que a residência do Papa Emérito será realizada em julho, mas ainda não há datas precisas.

No final de agosto, Bento XVI estará também presente na inauguração da Biblioteca que leva o seu nome, apoiada pela Fundação Ratzinger e mantida no Colégio Teutonico no Vaticano.

Fonte: Zenit
Compartilhe :

0 comentários:

Postar um comentário