21 janeiro, 2014

Redes sociais: espaço para testemunho, autenticidade e evangelização


Desde que o conceito de redes sociais surgiu, há uma grande e notável diferença no modo de fazer, falar, mostrar coisas. A própria Igreja aderiu às novas formas de comunicação para anunciar Cristo de forma mais ampla. É possível perceber esse fato, quando recordamos as primeiras mensagens de Bento XVI no Twitter, que eram publicadas praticamente em nível semanal. A presença da Igreja e do testemunho cristão na internet e suas redes sociais é tão importante que, hoje, quase todos os dias o Papa Francisco deixa uma frase na página @Pointfex, no Twitter.

Como dito acima, o testemunho cristão é um item fundamental. É comum ver belos textos, palavras e meditações profundas publicadas em páginas e perfis do Facebook, por exemplo. Mas, será que aquele que escreve a mensagem realmente vive o que publicou? É um questionamento que surge muitas vezes. Do mesmo modo que é fácil expor um texto na rede social, é fácil “ocultar” os seus pensamentos. Assim, perde-se a autenticidade.
Ainda precisamos participar melhor e demonstrar gestos cristãos mais intensos naquele ambiente que, muitas vezes, é dominado somente por pensamentos seculares. Cito um exemplo para as páginas católicas no Facebook: há vários documentos da Igreja e publicações dos papas no site do Vaticano. Por que não pegar trechos dos mesmos e publicar constantemente para ajudar na formação do próximo? Algo do tipo, feito de forma simples, mas criativa, vai ficar muito bom.

Se todos nós aprendêssemos a utilizar as redes sociais como ferramenta de evangelização, com certeza estaríamos fazendo uma das coisas que o Santo Padre tanto tem insistido em ensinar. Estaríamos saindo do isolamento e nadando contra a corrente, já que a internet tende a fazer com que seus usuários se isolem.

Testemunho, autenticidade, evangelização: em se tratando de redes sociais, durante o ano de 2014 (e nos próximos), vamos buscar ser Igreja de forma mais viva dentro do ambiente digital e fazer brilhar a luz de Cristo, a luz da fé neste lugar.
Compartilhe :

2 comentários:

  1. Testemunho:Quase ñ dava tanta importância na fé,mas rezei pela minha irmã que estava no hospital que tinha sofrido Avc e precisou fazer traquiostomia e tive vontade de rezar o terço de libertação pelo motivo que as enfermeira e médicos havia falado que qdo for para casa iria levar o aparelho,então rezei o terço neste sentido pois era preocupante ninguém tinha experiência de fazer este tratamento,para a minha surpresa no meio do terço o aparelho foi cair longe,ficamos apavoradosabendo e corremos atrás do mético especialista para colocá-lo novamente e qdo ele chegou falou que ñ precisava mais usa,estava cicatrizando.GLORIFICO MEU BOM DEUS POR ESTA GRANDE GRAÇA RECEBIDA.AMÉM.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um lindo testemunho. Estaremos também em oração por você e sua família. Mesmo que não tenha assinado o seu comentário, Deus sabe quem você é.

      Fique com Deus!

      Excluir