19 abril, 2013

Oito anos atrás, a eleição de Bento XVI


(RV) “Simples e humilde trabalhador na vinha do Senhor”: com essas palavras, em 19 de abril de oito anos atrás, Bento XVI se apresentou ao mundo depois de sua eleição como Sucessor de Pedro.

Depois de 27 anos do último Conclave, a fumaça branca saiu da chaminé da Capela Sistina às 17h50 daquela terça-feira. O nome do cardeal alemão foi anunciado às 18h40 do balcão da Basílica Vaticana, onde o novo Papa se apresentou minutos depois aclamado por milhares de pessoas que lotavam a Praça S. Pedro.



“Amados Irmãos e Irmãs,

Depois do grande Papa João Paulo II, os Senhores Cardeais elegeram-me, simples e humilde trabalhador na vinha do Senhor.

Consola-me saber que o Senhor sabe trabalhar e agir também com instrumentos insuficientes. E, sobretudo, recomendo-me às vossas orações.

Na alegria do Senhor Ressuscitado, confiantes na sua ajuda permanente, vamos em frente. O Senhor ajudar-nos-á. Maria, sua Mãe Santíssima, está conosco. Obrigado!”

A simplicidade proclamada em sua primeira saudação foi a mesma que o acompanhou em sua despedida.

Aos fiéis reunidos na praça diante da residência apostólica de Castel Gandolfo, em 28 de fevereiro passado, Bento XVI disse: “Sou simplesmente um peregrino que inicia a última etapa da sua peregrinação nesta terra. Mas quero ainda, com o meu coração, o meu amor, com a minha oração, a minha reflexão, com todas as minhas forças interiores, trabalhar para o bem comum, o bem da Igreja e da humanidade”.
Compartilhe :

0 comentários:

Postar um comentário