03 novembro, 2020

Paróquia sofre vandalismo e tentativa de profanação em Petrópolis (RJ)


- Tentaram arrancar o sacrário. Foto: Paróquia São Judas Tadeu - Mosela -

A Paróquia São Judas Tadeu, em Petrópolis (RJ) informou em uma de sua redes sociais que sofreu um "ato de vandalismo e tentativa de profanação ao Santíssimo Sacramento" em sua matriz paroquial na tarde do dia 31 de outubro.



Segundo informa o texto publicado na página da paróquia, "tentaram arrancar o sacrário, mas não conseguiram" e "também não conseguiram abrir o mesmo"

"Uma cruz que fica no altar foi arrancada e deixada no chão da Igreja. Nenhuma hóstia consagrada foi levada", informa.

O administrador paroquial, Padre Lucas Thadeu, convidou todos a rezarem em reparação pelo ato cometido e em todas as Missas do dia seguinte, Solenidade de Todos os Santos, aconteceu a adoração ao Santíssimo Sacramento e oração em desagravo.


Há um ano outra paróquia da Diocese foi profanada


O ato de vandalismo e tentativa de profanação na Paróquia São Judas Tadeu, em Petrópolis (RJ) aconteceu quase um ano após invadirem a matriz paroquial de São Sebastião de Contendas - também pertencente a Diocese de Petrópolis - e levarem o sacrário, âmbulas, teca, patenas, a cruz do altar, castiçais e outros objetos.

Naquela ocasião os objetos foram recuperados dias depois por três Ministros Extraordinários da Sagrada Comunhão (Mesc).
Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário